paroquias.org
 

Notícias






Patriarca desafiou políticos a serem os novos profetas
2001-01-06 00:13:28

António Guterres e Durão Barroso, juntos, no Mosteiro de S. Vicente de Fora, ouviram ontem o patriarca de Lisboa, D. José Policarpo, pedir aos políticos que sejam "corajosamente profetas de um mundo novo, ajudando, pelo testemunho da generosidade e da competência, o florir da esperança".

O encontro, em ambiente paralitúrgico, aconteceu a propósito do Jubileu sectorial dos governantes parlamentares e autarcas, promovido pelo patriarcado de Lisboa, no âmbito do Jubileu do ano 2000. Responderam ao convite mais de 40 membros da classe, ficando a Igreja do Mosteiro com a maioria dos bancos disponíveis. Mas estavam representadas a maior parte das cores partidárias, juntamente com o vice-presidente da Assembleia da República, Mota Amaral, e alguns autarcas, nomeadamente a presidente da Câmara de Sintra, Edite Estrela.

O Coro Polyphonia-Schola Cantorum entoou alguns cânticos de autores portugueses e o músico João Vaz fez soar o orgão de Tubos do Mosteiro com algumas peças da autoria de Diogo da Conceição e Joahn Sebastian Bach. Unidos neste ambiente de fé e cultura, os políticos, após a leitura de duas leitura bíblicas, ouviram D. José caracterizar os profetas de um mundo novo: "São os puros de coração que travam, generosamente, a luta da justiça e da construção da paz".

E, neste sentido, pediu-lhes que, em comunidade, se apercebam das exigências concretas da construção da justiça, com a generosidade do amor e do serviço.

Fonte DN

voltar

Enviar a um amigo

Imprimir notícia